Notícias


Prefeitura de Passo Fundo libera ensaios de danças nos CTGs

Foi liberada a realização de ensaios de danças e atividades artísticas nos CTGs e departamentos culturais na cidade
21/07/2021

Com a redução dos casos e também o avanço significativo da vacinação em Passo Fundo contra a Covid-19, foi liberada a realização de ensaios de danças e atividades artísticas nos CTGs e departamentos culturais na cidade.

A autorização foi concedida pelo prefeito Pedro Almeida, após reunião com patrões de CTGs e o vice-coordenador e diretor artístico da 7ª Região tradicionalista, Luiz Morais, que apresentaram um plano de retorno com protocolos de segurança e atendendo ao Decreto Estadual nº55.882. “Sabemos a necessidade desse grupos voltarem aos ensaios, mas reiteramos que todos os cuidados e protocolos devem ser respeitados. Vamos aguardar o avanço da vacinação para que mais atividades também possam retornar”, salientou o prefeito Pedro Almeida.

Conforme Luiz Moraes, o momento é delicado devido à pandemia e a 7ªRT, juntamente com os patrões, entende os cuidados que devem ser observados. “Compreendemos a decisão da Prefeitura em liberar gradativamente as atividades, nesse primeiro momento somente os ensaios. As demais atividades campeiras e jantares realmente devem aguardar mais um pouco para acontecerem”, observou.

Para o presidente da Frente Parlamentar Mista do Tradicionalismo da Câmara de Vereadores, Evandro Meirelles, a retomada dos ensaios e das atividades culturais, com protocolos de segurança, é um importante fomento para as pessoas envolvidas. “Essa é uma das preocupações da frente parlamentar, de junto com o governo municipal, entidades e 7ª Região tradicionalista, começar aos poucos a trazer de volta também os eventos campeiros que movimentam muitos profissionais, uma grande cadeia econômica que dependem disso”, observou.

No protocolo de segurança sugerido pelas entidades, constam itens como: professores com no mínimo uma vacina aplicada, monitoramento de temperatura na entrada dos locais de ensaios, ensaios fracionados e com horários alternados das categorias, distanciamento, sem compartilhamento de instrumentos e sem refeições, além de cuidados de higiene e utilização de álcool em gel.

MAIS NOTÍCIAS